comoaagriculturafamiliaralimentaosbrasileiros

Como a agricultura familiar alimenta os brasileiros?

Por Marketing
Escrito em 14 de agosto de 2019
Atualizado em 14 de agosto de 2019
Blog

1. Introdução

A agricultura familiar tem enorme participação na alimentação dos brasileiros. Ela é base da economia de 90% dos municípios brasileiros com até 20 mil habitantes e soma faturamento anual de US$ 55 bilhões. Saiba mais sobre esta atividade.

2. Como funciona a agricultura familiar?

A Lei n° 11.326/2004 estabelece os 4 critérios da agricultura familiar. São eles:

  1. Área de até quatro módulos fiscais (a medida varia em cada município);
  2. Utilizar predominantemente mão-de-obra da própria família;
  3. Ter renda familiar mínima originária de atividades econômicas rurais;
  4. Dirigir o estabelecimento ou empreendimento com a família.

3. Qual é a participação da agricultura familiar na alimentação do brasileiro?

Segundo dados do Censo Agropecuário de 2006, a agricultura familiar produz:

  • 87% da mandioca,
  • 70% do feijão,
  • 46% do milho,
  • 38% do café,
  • 34% do arroz, e
  • 21% do trigo do Brasil.

Na pecuária, a agricultura familiar é responsável por:

  • 60% da produção de leite,
  • 59% do rebanho suíno,
  • 50% das aves, e
  • 30% dos bovinos.

4. Como a agricultura familiar gera impactos na economia?

A agricultura familiar é responsável pela renda de 40% da população economicamente ativa do Brasil, e gera empregos para mais de 70% dos brasileiros ocupados no campo. Na verdade, seu faturamento é maior do que a produção não-familiar.

5. Quais são as vantagens da agricultura familiar?

A agricultura familiar tem vários benefícios, entre eles:

  • diversificação do cultivo;
  • geração de renda em pequenos municípios;
  • proximidade dos mercados, resultando em uma cadeia menos poluente.

6. Conclusão

A agricultura familiar gera emprego e renda em todo o Brasil, e é responsável por boa parte da comida que vai parar no prato do brasileiro. Ela tem também papel social ao ser exercida por aquicultores, extrativistas, indígenas, pescadores, quilombolas, silvicultores e assentados da reforma agrária.

Fontes:

http://www.mda.gov.br/sitemda/noticias/o-que-%C3%A9-agricultura-familiar

http://www.mda.gov.br/sitemda/dap/agricultura-familiar

http://www.mda.gov.br/sitemda/noticias/agricultura-familiar-do-brasil-%C3%A9-8%C2%AA-maior-produtora-de-alimentos-do-mundo

Deixe um comentário

4 + 5 =

Fique por dentro

Fique por dentro de todas as nossas novidades e soluções, do mercado de
agropecuaria, saneamento e bens de consumo.